Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

05 Novembro de 2019 | 21h12 - Actualizado em 05 Novembro de 2019 | 21h11

Independência nacional é tema de encontro em Havana

Havana - O 11 de Novembro constitui o momento mais importante da vida do povo angolano, por ser nesse dia que conquistou a liberdade e o direito de decidir o seu próprio destino, afirmou a adida Cultural de Angola em Cuba, Madalena de Almeida.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

De acordo com uma nota de imprensa da Embaixada de Angola em Cuba, chegada hoje (terça-feira) à Angop, a diplomata angolana falava numa actividade na sede da União de Escritores e Artistas de Cuba (UNEAC), em Havana, no quadro das jornadas alusivas ao 44º aniversário da proclamação da Independência Nacional.

Madalena de Almeida considerou que os ganhos da independência, proclamada pelo Presidente Agostinho Neto, resultaram da luta travada pelos heróicos combatentes angolanos, que “se entregaram de corpo e alma à luta de libertação nacional, em prol da causa comum da liberdade do povo angolano”.

A adida Cultural recordou os internacionalistas cubanos, cujo heroísmo exaltou, pois imbuídos dos ideais de liberdade e justiça social, lutaram junto dos angolanos para impedir que a sua independência e dignidade fossem destruídas por forças estrangeiras.

Por seu lado, o etnólogo e homem de cultura cubano Rogelio Martínez Furé dissertou sobre as origens, as línguas e terminologias, a religião e cultura, no intuito principal de prestar homenagem a Angola, que considerou ser “património de todos os cubanos”, boa parte dos quais tem ascendência africana.

O evento, organizado pela Embaixada de Angola em Cuba, contou com a presença do presidente da UNEAC, Alberto Marrero, da escritora cubana e Prémio Nacional de Literatura, Nancy Morejón, outras personalidades da cultura cubana e funcionários da Missão Diplomática de Angola em Havana.

Assuntos Cultura   Embaixadas  

Leia também
  • 05/11/2019 15:14:25

    Ngonguita Diogo lança Um Natal de Mil Cores

    Malanje - A obra literária de conto infantil Um Natal de Mil Cores, de autoria da escritora angolana Ngonguita Diogo, será apresentada sexta-feira, em acto a ter lugar no auditório da Rádio Malanje.

  • 05/11/2019 12:44:00

    Aberta exposição fotográfica sobre Agostinho Neto

    Luanda - Uma exposição fotográfica dedicada a memória de Agostinho Neto foi aberta nesta terça-feira no Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM), em Luanda, no âmbito das comemorações dos 44 anos de independência nacional, a assinalar-se a 11 de Novembro.

  • 28/10/2019 12:25:37

    Morreu autor do dicionário Português-Umbundu

    Luanda - O autor do dicionário Português-Umbundu, reverendo Henrique Etaungo Daniel, faleceu quinta-feira (24), no hospital geral da cidade do Huambo.