Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

17 Janeiro de 2020 | 16h57 - Actualizado em 17 Janeiro de 2020 | 16h57

Inadec regista mais de 100 infracções em 2019

Luena - Cento e 11 infracções de natureza económica foram registadas, de Janeiro a Dezembro de 2019, pelo Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC), mais 49 comparativamente ao igual período anterior, informou hoje, no Luena, o chefe dos serviços da instituição, Jacob Cachipa.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Chefe dos Serviços Provincial em Exercício do INADEC, Jacob Cachipa

Foto: kinda kyungu

Em declarações à Angop, o responsável sublinhou que as referidas transgressões resultaram na arrecadação para os cofres do Estado de um milhão e 656 mil e 50 kwanzas.

Fez saber que as infracções consubstanciaram-se na falta de higiene, falta de afixação de preços, inexistência do livro de reclamações e a ausência de boletim de sanidade.

A venda de produtos impróprios para o consumo humano, especulação de preços, produtos vencidos e mau estado de conservação, rotulagem em língua estrangeira, foram entre outras violações sancionadas.

Explicou que as infracções foram detectadas através de 276 visitas de fiscalização a estabelecimentos comerciais.

Foram recepcionadas 43 reclamações, 28 denúncias e realizadas 186 acções de sensibilização, palestras sobre o manuseamento de boas práticas nos estabelecimentos comerciais, com o objectivo de melhorar a qualidade da higiene e segurança alimentar.

Leia também
  • 17/01/2020 11:03:51

    Nigerianos com interesse em investir em Angola

    Luanda - Uma missão de empresários nigerianos manifestou, em Joanesburgo, África do Sul, o interesse de investir em Angola, nos vários ramos da actividade económica.

  • 16/01/2020 16:35:01

    Macon reduz frequência na rota Luena/Saurimo

    Luena - A Macon, operadora privada de transportes colectivos, reduziu de duas para uma, a frequência diária de viagens na rota Luena/Saurimo e vice-versa, devido ao mau estado da estrada nacional 180.

  • 16/01/2020 06:00:57

    CNEF e Inadec assinam acordo de cooperação

    Luanda - O Conselho Nacional de Estabilidade Financeira (CNEF) e o Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (Inadec) assinaram um protocolo de cooperação para a protecção e defesa dos consumidores de produtos e serviços financeiros.