Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

30 Novembro de 2019 | 19h41 - Actualizado em 30 Novembro de 2019 | 19h41

Falta de recursos inviabiliza recuperação de monumentos de Cambambe

Dondo - O secretario do Estado para as Indústrias Culturais, João Constantino, afirmou , neste sábado, no Dondo, município de Cambambe, província do Cuanza Norte, que a falta de recursos financeiros está a inviabilizar a recuperação de monumentos histórico.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ruínas da Fortaleza de Massangano

Foto: Diniz Simao

Em declarações à imprensa à margem das actividades da X edição da Feira do Artesanato do Dondo, aberta sexta-feira, João Constantino sublinhou que os monumentos históricos e culturais da região necessitam de obras de restauração urgente, dado o estado acentuado de degradação.

Explicou que o introduziu no plano de desenvolvimento programas de reabilitação de vários monumentos e sítios da região, mas a falta de recursos financeiros está a impedir a materialização dos projectos.

“Bem queríamos pegar no Centro Histórico do Dondo e reabilitar, mas  a sua conservação e preservação, na prática, são tarefas difíceis e, principalmente, bastante onerosas. Obriga a uma grande conjugação de esforços para mobilizar recursos e estabelecer prioridades”, afirmou.

Sobre a necessidade da inscrição no Orçamento Geral do Estado (OGE) de projectos de reabilitação de monumentos históricos de Cambambe, referiu que não se trata só de inscrever, mas é preciso que haja disponibilidade efectiva de recursos.

Revelou que alguns monumentos locais, com realce para a Casa dos Bentes, no Dondo, e a Fabrica de Fundição de Ferro de Novo Oeiras, na comuna de Massangano, já foram alvos de inscrição no OGE em anos anteriores, mas a escassez de recursos financeiros tem inviabilizado a materialização desses projectos.

Acrescentou que, apesar disso, um esforço tem sido feito para a conservação do património cultural da região, tendo citado a recente restauração da Fortaleza de Cambambe, em 2015, numa acção entre o Ministério da Cultura e a construtora brasileira Obdebrecht.

O município de Cambambe possui oito monumentos reconhecidos pelo Comité Internacional dos Monumentos e Sítios.

A degradação destes monumentos e sítios tem sido a grande preocupação das autoridades locais, sendo os mais conhecidos as Fortalezas de Massangano e Cambambe, a Câmara Municipal, bem como as igrejas da Nossa Senhora do Rosário e das Vitórias, erguidas no século XVI.

Entre os monumentos existentes no município de Cambambe constam ainda as ruínas do Tribunal de Reclusão situado em Massangano, o Cruzeiro, a Praça dos Escravos.

Todos estes locais enfrentam o drama da destruição provocada, por um lado, pela acção do tempo e de efeitos naturais e, por outro, pelos interesses particulares do próprio homem, cuja acção atenta contra a sua integridade arquitectónica e histórica.

A parte histórica da cidade do Dondo, sede do município de Cambambe, foi classificada como património histórico nacional, em 29 de Maio de 2013, pelo Ministério da Cultura.

Leia também
  • 30/11/2019 19:32:52

    Feira do Dondo com fraca movimentação

    Dondo- Os expositores da X edição da feira do artesanato do Dondo, município de Cambambe, província do Cuanza Norte, manifestaram-se, neste sábado, insatisfeitos com a fraca movimentação de visitantes e feirantes no evento, organizado pelo governo provincial e o Ministério da Cultura.

  • 29/11/2019 19:29:17

    Sessenta e nove expositores na feira do artesanato do Dondo

    Ndalatando - Setenta e nove expositores participam na X edição da feira do artesanato do Dondo, município de Cambambe, província do Cuanza Norte, aberta hoje, sexta-feira, pelo secretario do Estado da Cultura para as Indústrias Culturais, João Constantino.

  • 29/11/2019 03:59:38

    África do Sul e Angola reforçam cooperação cultural

    Luanda - O embaixador da África do Sul em Angola, Fannie Phakola assegurou, em Luanda que vão reforçar á cooperação cultural entre os dois países em função da existência de boas relações diplomáticas.