Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

13 Julho de 2020 | 16h18 - Actualizado em 13 Julho de 2020 | 16h17

RAAP permite medir impacto económico do país

Malanje - O Recenseamento Agro-pecuário e Pescas (RAPP), que vigora de 24 deste mês a 31 de Janeiro de 2021 vai permitir aferir a actual conjuntura económica do país com a baixa registada devido ao surto de covid-19, sobretudo nestes domínios.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Esta apreciação foi feita hoje em Malanje, pelo vice-governador para o sector político, económico e social, Domingos Eduardo, quando procedia a abertura da formação dos agentes de campo, que vão efectuar o RAPP até 2021.

O responsável disse ser fundamental esse recenseamento porquanto vai produzir estatísticas sobre a qualidade e intervenientes nos domínios da agricultura, pecuária e pescas, para que o Executivo crie políticas eficazes para responder as necessidades das referidas áreas.

Entretanto, Domingos Eduardo precisou que os agentes de campo constituem peças fundamentais para a recolha de dados durante o RAPP 2019/2020, razão pela qual devem dedicar-se a formação.

Por sua vez, o coordenador da formação, Valente Morais, referiu que o RAPP visa actualizar e fornecer dados credíveis sobre a situação da agricultura, pecuária e pescas no país e consequentemente ajudar o Executivo a planificar os projectos na área da agricultura.

Precisou que a partir do dia 24 deste mês, os recenseadores começam a trabalhar nos 14 municípios de Malanje, fazendo o cadastramento das famílias camponesas e dos seus campos de cultivo.

Enquanto isso, o consultor da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), Aliou Diouf Mballo, disse que a sua organização vai apoiar tecnicamente o Governo angolano na formação dos recenseadores para facilitar a monitoria dos projectos ligados à agricultura no país.

A formação conta com a participação de 167 agentes recenseadores das províncias de Malanje, Moxico, Lunda Norte e Lunda Sul, que durante cinco dias, vão abordar matérias relacionadas com estratégias do RAPP, termos de referência dos agentes de campo, procedimentos do preenchimento da listagem, estratégias de campo, aspectos de listagem e comunitário, entre outras.

Leia também
  • 10/07/2020 20:38:14

    Fazenda produz sementes híbridas de arroz e milho

    Cangandala - A fazenda "Winal" localizada no município de Cangandala, a 28 quilómetros a sul da cidade de Malanje, começou este ano a produzir sementes híbridas de milho e arroz, visando abastecer os grandes produtores de cereais no país.

  • 09/07/2020 14:06:08

    Cooperativas beneficiam de artefactos de pesca artesanal

    Luanda - Mais de 20 cooperativas de pesca beneficiaram, nesta quinta-feira, em Luanda, de artefactos de pesca artesanal, compostos por bóias, anzóis, rolos de fios, malhas de rede, botas, capas de protecção, coletes salva-vidas e recipientes, no âmbito do fomento e apoio a pesca artesanal.

  • 09/07/2020 13:44:02

    Camponeses do Dala recebem material agrícola

    Dala - Camponeses dos bairros Sailinga, Cahombo, Konga-Kachinga (município do Dala), província da Lunda Sul, receberam hoje, quinta-feira, material agrícola, constituídos por enxadas, catanas, machados, limas, entre outros meios, oferta da administração local.