Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

15 Janeiro de 2020 | 19h58 - Actualizado em 15 Janeiro de 2020 | 19h58

Ministra quer Mbanza Kongo na rota do turismo mundial

Mbana Kongo - A ministra do Turismo, Ângela Bragança, pediu hoje, quarta-feira, em Mbanza Kongo, província do Zaire, a conjugação de esforços para colocar o centro histórico local na rota do turismo cultural mundial.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ministra do Turismo, Ângela Bragança.

Foto: BRAULIO PEDRO

Zaire: Ruinas da antiga Sé Catedral Católica (kulumbimbi)

Foto: Gaspar dos Santos(Arquivo)

Na sua intervenção, na cerimónia de apresentação da proposta do regulamento e plano urbanístico do centro histórico inscrito na lista do Património Cultural da Humanidade da UNESCO, a 8 de Julho de 2017, a responsável solicitou esforço conjugado na valorização e divulgação do património cultural material e imaterial local.

Ângela Bragança quer que Mbanza Kongo se torne em cartão-de-visita para o país, frisando que para que isso aconteça a cidade deve ser bem gerida por todos, de modo a atrair mais turistas nacionais e estrangeiros.

Chamou especial atenção aos munícipes nos vários aspectos que se prendem com a preservação e conservação dos locais históricos e culturais e, sobretudo, o saneamento básico desta cidade.

O plano foi elaborado por uma equipa técnica multissectorial composta por especialistas dos ministérios do Ordenamento do Território e Habitação, Cultura, Turismo e do Governo Provincial do Zaire.

O regulamento vai dotar a este sítio histórico e a zona tampão de um instrumento de gestão e orientação técnica de salvaguarda do património e define as normas e os princípios relativos à transformação do espaço urbano edificado e a edificar.

Para a titular da pasta do Turismo, dotar Mbanza Kongo de uma dignidade urbana ao nível da sua riqueza e das suas potencialidades, assim como tornar esta capital do antigo Reino do Kongo uma cidade turística de nível internacional é o objectivo final da elaboração do referido documento.

Lembrou, na ocasião, o lançamento, em 2019, do roteiro turístico de Mbanza Kongo e respectivo guia, nesta cidade, frisando que todos estes documentos vão servir de base para tornar a localidade uma urbe moderna e aberta ao mundo.

Participaram da cerimónia as ministras da Cultura, Maria de Jesus, e do Turismo, Ângela Bragança, o governador provincial do Zaire, Pedro Júlia, entre outras individualidades.

Assuntos Província » Zaire   Turismo  

Leia também
  • 15/01/2020 16:41:33

    Reexportação de produtos desobedece normas no posto fronteiriço

    Soyo - A reexportação de produtos da cesta básica para a República Democrática do Congo (RDC) a partir do posto fronteiriço de Kimbumba, município do Soyo, desobedece as normas aduaneiras e de comércio transfronteiriço, afirmou o consultor do secretário de Estado do Comércio, Assunção Pereira.

  • 13/01/2020 19:38:07

    Luvo ganha infra-estruturas logísticas

    Mbanza Kongo - Um conjunto de infra-estruturas logísticas começam, este ano, a ser erguidas no posto fronteiriço do Luvo, município de Mbanza Kongo, província do Zaire, no âmbito do cumprimento das normas internacionais de comércio fronteiriço.

  • 03/01/2020 12:56:05

    Camponeses da Serra de Kanda recebem inputs agrícolas

    Mbanza Kongo - Camponeses da comuna da Serra de Kanda, município do Cuimba, Zaire, receberam nesta quinta-feira inputs agrícolas, constituídos por enxadas, catanas e machados, uma oferta do governo provincial.