Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

28 Outubro de 2014 | 15h20 - Actualizado em 29 Outubro de 2014 | 14h05

Girabola: Bernardino Pedroto vai treinar o Caála nas próximas épocas

Huambo - O português Bernardino Pedroto, treinador que mais títulos conquistou em Angola, vai orientar o Recreativo da Caála da província do Huambo nas próximas três épocas, soube hoje, terça-feira, a Angop.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bernardino Pedroto, futuro treinador do Recreativo da Caála

Foto: Pedro Parente

O treinador, cinco vezes campeão nacional, terá como adjuntos o angolano João Arsénio (Túbias) e o português Pedro Jorge (Pejó), que entre 2009 e 2013 fizeram parte das equipas técnicas do Interclube, a última agremiação desportiva treinada por Bernardino Pedroto no país.

O novo técnico, de acordo com fonte do actual 10º colocado do Girabola, será apresentado aos membros de direcção do clube no próximo dia 5 de Novembro, quando os "caalenses” receberem o Desportivo da Huíla, para a 30ª e última jornada.

De 61 anos de idade, Bernardino Pedroto chegou a Angola em 2000, para orientar o ASA, com o qual se sagrou campeão nacional em 2002, 2003 e 2004. Seguiu-se a missão no Petro de Luanda, onde amealhou dois títulos (2008 e 2009). Além disso, conquistou quatro supertaças com os aviadores e uma Taça de Angola com os petrolíferos.

Na sua última passagem pelo campeonato nacional da I divisão, Pedroto treinou, nas épocas 2012 e 2013, o Interclube.

Com a contratação de Bernardino Pedroto, eleva-se para seis o número de técnicos portugueses a orientar o Recreativo da Caála, que ascendeu à I divisão em 2009. Os anteriores são Jorge Paixão (2009), Ruí Gregório (2010), Vitor Manuel (2011), Luís Aires (2012), Ricardo Formosinho (2013) e Vaz Pinto (2014).

João Patrick Kódia, David Dias e o malogrado Mabi de Almeida são os angolanos que também treinaram o Caála, curiosamente na mesma época, 2010, cada um sucedendo o outro, mas nenhum deles chegou ao fim da temporada.

O conjunto está a ser comandado provisoriamente, desde a 12ª jornada, pelo luso-angolano Fernando Pereira, treinador de guarda-redes desde 2009, cargo que será ocupado na futura equipa técnica pelo português Pedro Jorge (Pejó).

Desde que ascendeu ao Girabola o Recreativo da Caála teve como melhor feito o 2º lugar alcançado em 2010, com o mesmo número de pontos que o campeão daquela época (Interclube), além de ter sido finalista vencido da Taça de Angola em 2012.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também