Angop - Agência de Notícias Angola Press

Quibala interligada à rede de energia

16 Setembro de 2020 | 13h32 - Sociedade

Sumbe - O município da Quibala, província do Cuanza Sul, passou a estar interligada à rede nacional de energia eléctrica, com a entrada em funcionamento, nesta quarta-feira, de uma subestação móvel, através de uma linha de alta tensão a partir do sistema eléctrico norte (Laúca).

  • Subestacão eléctrica da Quibala - Cuanza Sul

A subestação, que ocupa uma área de 2.400 metros quadrados, tem uma capacidade de 220/30 KV- 10 MVA, alimentada por uma linha de alta tensão ligada a subestação do Wacu Cungo.

A distribuição para a população local e fazendas está a ser feita através de cinco postos de transformação (PT). 

Actualmente cerca de 3200 consumidores já estão ligados à rede pública de energia, num projecto instalado em seis meses em que o governo desembolsou dois milhões e 500 mil dólares.

Com a entrada em operações desta unidade, a província do Cuanza Sul passa a ter nove subestações de energia eléctrica, poupando ao governo 60 mil litros de combustível/mês e mais de 50 mil dólares/mês com manutenção dos geradores.

Após a inauguração, o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, disse que o desafio do seu pelouro para a província do Cuanza Sul passa pela instalação na Quibala de uma outra subestação eléctrica com carácter definitivo, com uma capacidade para 60 Kilovolts.

“Pela primeira vez, julgamos em toda a história, a Quibala tem energia eléctrica a partir da rede nacional, depois de ter vivido muitos anos com grupos geradores, causando altos custos em combustível e manutenção”, afirmou o ministro.

O governante apontou como próximos passos a conclusão das obras de electrificação do município do Mussende, além de encontrar soluções para os municípios do Ebo, Quilenda, Seles e Conda, para que até 2022 tenham energia da rede nacional.

Para o governador provincial do Cuanza Sul, Job Capapinha, as obras vão ajudar a melhorar a vida da população local, tendo solicitado aos munícipes da Quibala a conservarem o bem.