Angop - Agência de Notícias Angola Press

Huambo contará com cinco centros de inspecção de viaturas

14 Agosto de 2019 | 14h42 - Sociedade

Huambo - A província do Huambo, no centro do país, poderá contar nos próximos anos, com cinco centros de inspecção de viaturas periódicas e obrigatórias, no quadros dos desafios da redução dos acidentes de viação resultantes do mau estado técnico dos veículos.

A implementação dos mesmos centros visa responder às exigências constantes no artigo 114º do Código de Estrada, sobre a necessidade dos veículos automóveis serem submetidos periodicamente a uma inspecção técnica para aferir a sua condição face aos desafios do tráfego e a mobilidade rodoviária.

A informação foi prestada hoje, quarta-feira, pelo director em exercício da Viação e Trânsito do Huambo, inspector-chefe Paulo Chindele Cassinda, quando falava à imprensa sobre o lançamento do concurso público para a concessão, construção e exploração dos referidos centros.

Na oportunidade, o responsável fez saber que a província do Huambo é das três do país, a par de Benguela e Huíla, contempladas com o mesmo número de centros, com excepção de Luanda que terá 15, enquanto as demais terão apenas dois cada.

Fez saber que para além da redução da sinistralidade rodoviária, os mesmos, que prevêem também os serviços de mecânica, vão igualmente contribuir na preservação do ambiente, através da mitigação dos poluentes que as viaturas, em mau estado técnico, podem deitar, bem como constituem uma oportunidade para a criação de mais postos de trabalhos.

Informou ainda que as mesmas infra-estruturas, que serão instaladas em locais ainda por indicar a nível da província, serão equipados com tecnologia e técnicas de ponta, entre mangas de suspensão, sensor laser para a captação, leitura e interpretação do estado técnico dos veículos para aferição da sua condição para circularem na via pública, sem no entanto constituírem perigo para os automobilistas e demais utentes da via.

De acordo  com Paulo Chindele Cassinda, as obras de construção dos centros terão início tão logo terminar o  processo / concurso no sentido da definição das empresas para o efeito, cujo período está aprazado até Novembro próximo.

Ainda quanto ao concurso, a ser realizado no termos do Decreto-Presidencial 167/2010 de 03  de Agosto, que estabelece o regulamento de exploração desses estabelecimentos por parte de particulares, avançou que serão admitidas 30 candidaturas, das quais 5 serão apuradas para poderem se encarregar do processo de construção e exploração dos centros de inspecção de viaturas.

Relativamente aos requisitos, disse podem concorrer qualquer cidadão nacional e estrangeiro, desde que resida no Huambo e constitua uma empresa com o objecto social exclusivamente voltado para a construção e exploração dos referidos centros, assim como tenha uma capacidade financeira e estrutural necessária para o efeito.