Angop - Agência de Notícias Angola Press

ETA do Quissole vai aumentar capacidade de abastecimento à população

12 Abril de 2019 | 06h12 - Sociedade

Malanje - A nova Estação de Tratamento de Água (ETA) do sector de Quissole, arredores da cidade de Malanje, orçada em 30 milhões de dólares, vai atender 360 mil habitantes, contra 70 mil que actualmente dependem do sistema da Guiné.

A informação foi prestada quinta-feira pelo presidente do Conselho de Administração da Empresa de Águas e Saneamento de Malanje, Carlos João, durante uma visita do Secretário de Estado das Águas, Luís Filipe da Silva, ao referido projecto, em curso desde 2017.

O responsável precisou que a cidade de Malanje terá maior cobertura no abastecimento de água potável, passando de 20 para 80 por cento de atendimento da população.

Quanto aos trabalhos de execução física da referida ETA, a fonte disse haver atrasos devido às constantes chuvas que têm caído sobre a região, originando inundações que comprometem a evolução da empreitada.

Nesta altura, esclareceu, decorrem trabalhos de construção da estação de tratamento e do centro de distribuição, prevendo-se para os próximos dias o início da linha de transporte.

Por sua vez, o secretário de Estado das Águas, Luís Filipe da Silva, reiterou o engajamento do governo para que cada vez mais pessoas tenham acesso à água potável, realçando as obras em curso no interior da província de Malanje, concretamente nos municípios de Massango, Kiwaba Nzoji, Mucari, Quela, Malanje e Cangandala.

Para além das obras da Estação de Tratamento de Água do Quissole, Luís Filipe da Silva visitou a ETA em construção no município de Cangandala, bem como o centro de captação do bairro da Guiné.