Angop - Agência de Notícias Angola Press

Mais de mil antigos combatentes habilitam-se à pensão de reforma

12 Junho de 2018 | 17h54 - Sociedade

Mbanza Kongo - Mil e 256 antigos combatentes e veteranos da pátria, na província do Zaire, receberam nesta terça-feira, em Mbanza Kongo, as suas declarações provisórias que os habilitam a auferir a pensão de reforma de que têm direito.

  • Zaire: Antigos Combatentes, Veteranos da Pátria e Viúvas
  • Zaire: Entrega simbólica de declarações aos antigos combatentes, veteranos da pátria e viúvas

A cerimónia de entrega das referidas declarações, que antecedem os cartões do antigo combatente e veteranos da pátria, foi orientada pelo vice-governador para o sector político, económico e social, António Félix Kialungila.

Na ocasião, o responsável disse haver ainda 130 processos destes assistidos por homologar, a nível do Ministério de tutela, tendo reconhecido o esforço empreendido por esta franja da sociedade em prol da liberdade e independência nacional.

Por sua vez, o director do gabinete provincial dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, Casimiro José Maria, disse que os abrangidos começaram a auferir os respectivos subsídios desde Abril último.

Explicou que os processos que faltam por homologar apresentaram algumas lacunas que foram, de forma oportuna, corrigidas pelos respectivos requerentes, devendo, por isso, ser deferidos nos próximos dias.

Com a homologação destes últimos 130 processos, o Zaire já não terá nenhum processo pendente, a nível do Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, segundo ainda a fonte.