Angop - Agência de Notícias Angola Press

Governante reconhece sector privado como parceiro incontornável do Executivo

07 Dezembro de 2017 | 16h31 - Sociedade

Luanda - Os centros de formação privados são um importante e incontornáveis parceiros do Executivo e fazem parte do sistema nacional de formação profissional, afirmou hoje (quinta-feira), em Luanda, o ministro da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social, Jesus Maiato.

  • Jesus Faria Maiato - Ministro do MAPTSS

O titular da pasta, que falava durante a cerimonia de encerramento do ciclo formativo 2017, frisou que com o objectivo de proporcionar melhor articulação e acompanhamento da actividade o Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFOP) vai desenvolver acções que visam registar os centros de formação privados que exercem actividades sem a competente licença.

“Propor legislação para a sua classificação, em função das condições físicas e técnicas, que apresentam bem como adoptar medidas de simplificação no processo de obtenção das licenças“, sublinhou.

O governante lançou o repto às empresas publicas e privadas em apostar na mão de obra nacional qualificada, de forma a dar oportunidade de emprego aos cidadãos recém formados através de estágios profissionais e assinaturas de contratos de aprendizagem nos termos previstos da Lei Geral do Trabalho vigente.

Sublinhou ainda que apostar no capital humano não é um custo, mais sim um investimento.

Jesus Maiato apelou aos formados a colocarem a disciplina, a ordem, assiduidade, pontualidade e a obediência como base do sucesso laboral e quiçá da verdadeira integração social.