Angop - Agência de Notícias Angola Press

Cuba: Ministro da Defesa trabalha em Havana

19 Maio de 2017 | 07h16 - Política

Havana (Dos enviados especiais) - O ministro da Defesa Nacional, João Lourenço, iniciou nesta quinta-feira, em Havana, uma visita de trabalho de 24 horas à capital cubana, tendo em vista o reforço da cooperação entre os dois países.

  • Ministro da Defesa, João Lourenço (arquivo)

O governante, que chegou ao final da tarde (noite em Angola) ao Aeroporto José Marti, iniciou a agenda com um encontro de trabalho com o vice-presidente cubano, Ricardo Cabrisas, com quem falou sobre as “excelentes relações de cooperação” entre os países.

Na audiência, de aproximadamente uma hora, as duas delegações conversaram sobre a cooperação económica e deram particular ênfase à questão da educação e da saúde.

Sobre a mesa de conversações esteve igualmente a temática da recuperação do preço do petróleo (principal produto de exportação de Angola), que procura estabilizar-se no mercado internacional, depois da forte crise iniciada em finais de 2014.

Segundo o vice-presidente cubano, Ricardo Cabrisas, as delegações dos dois países falaram sobre as perspectivas de recuperação do preço do crude, cuja queda fez desacelerar o crescimento da economia angolana e diminuir as receitas do país.

O governante cubano, que falava à imprensa no final da audiência, afirmou, por outro lado, que Angola e Cuba têm relações tradicionais, tendo sublinhado que as perspectivas desse intercâmbio “continuam a ser muito claras e positivas”.

João Lourenço, que foi recebido no aeroporto José Marti, pelo vice-ministro das Relações Exteriores de Cuba, Rogelio Sierra, tem previsto para esta sexta-feira um encontro com o Presidente da República de Cuba, Raúl Castro. Segundo o programa oficial da visita, distribuído à imprensa angolana, o ministro da Defesa Nacional deve fazer a entrega, nesse encontro, de uma mensagem do Chefe de Estado Angolano, José Eduardo dos Santos, ao Presidente Cubano.

O ministro, que se faz acompanhar nessa deslocação pelo secretário de Estado das Relações Exteriores, Manuel Augusto, encabeça uma delegação de que faz parte, igualmente, o embaixador extraordinário e plenipotenciário da República de Angola em Cuba, Augusto César Kiluanji.

Antes de Havana, João Lourenço esteve de visita aos Estados Unidos da América.

Angola e Cuba mantêm excelentes relações de cooperação em vários domínios, com destaque para as áreas da defesa e segurança, educação, saúde, transportes, obras públicas, construção, petróleos, desporto, cultura, turismo, agricultura, e outros sectores com menor impacto.

Os dois estados estabeleceram relações diplomáticas a 15 de Novembro de 1975, quatro dias depois da independência de Angola, e um ano depois assinaram o Acordo Geral de Cooperação, que originou a Comissão Bilateral.