Angop - Agência de Notícias Angola Press

Aberta campanha nacional de registo eleitoral nas universidades

20 Março de 2017 | 14h08 - Política

Luanda - A campanha nacional de registo eleitoral para docentes e discentes das instituições de ensino superior foi aberta nesta segunda-feira, em Luanda, pelo ministro da Juventude e Desportos, Albino da Conceição José.

  • Mesa de presidium na abertura do programa Nacional do Registo Eleitoral nas universidades
  • Aureirá Beatriz Manuel, Estudante Universitária
  • Jofre dos Santos, Presidente da Associação de estudantes das Universidades Privadas
  • Mário Pinto de Andrade, Reitor da Universidade Lusíadas
  • Participantes na Cerimónia de abertura do programa Nacional do Registo Eleitoral nas universidades


A campanha, cuja abertura decorreu na Universidade Lusíadas, se prolongará até sábado (25) e prevê registar mais de 200 mil estudantes em todo o país.

Albino da Conceição disse que a iniciativa vai marcar uma etapa crucial na mobilização dos docentes e discentes que até ao momento  não efectuaram o registo. Para o efeito, foram montadas brigadas junto das universidades para permitir que maior número de estudantes seja registado.
 

Informou que a campanha nacional de registo eleitoral para docente e discentes tem como missão incentivar os jovens universitários à adesão ao registo eleitoral.


”Somos todos angolanos e a pátria está acima de qualquer interesse”,  frisou o ministro.
 

Na ocasião o reitor da Universidade Lusíada de Angola, Mário Pinto de Andrade, explicou que este processo só irá decorrer bem se todos os cidadãos com capacidade eleitoral se registarem conforme está estabelecido na lei.
 

Apelou aos estudantes a dirigirem-se ao posto de brigada  montada na Universidade, a fim de exercerem o dever de  cidadania.
 

 Já o presidente da Associação dos Estudantes das Universidades Privadas de Angola, Jofre dos Santos, sublinhou que o acto tem como iniciativa habilitar os estudantes  e professores das instituições  para o registo  eleitoral .
 

Disse  que durante as matricular foram informados que  muitos dos estudantes ainda não tinham deito o registo nem actualização, dai o papel da associação de promover a  participação dos estudantes dentro daquilo que são os seus deveres cívicos.
 

Em declarações à imprensa, após ter se registado, a  estudante Áurea  Beatriz Manuel disse que espera votar nas próximas eleições.