Angop - Agência de Notícias Angola Press

Cuanza Norte: Camponeses contam com cooperativa de assistência técnica e material

12 Fevereiro de 2019 | 02h13 - Economia

Ndalatando - Os camponeses e agricultores da província do Cuanza Norte contam desde segunda-feira com uma cooperativa que se encarregará da assistência técnica, distribuição de sementes e instrumentos agrícolas.

  • Cuanza Norte: Camponeses contam com mais uma nova cooperativa

O coordenador da cooperativa, Henriques Simões, referiu no acto de lançamento do projecto que a nova agremiação, denominada “Cooperagri”, se cingirá no apoio ao pequeno produtor carente de incentivos para alavancar o cultivo de produtos diversos.

Adiantou que a “Cooperagri” contará com uma loja de vendas de imputes agrícolas, como fertilizantes, pesticidas, sementes e instrumentos de produção, a ser inaugurada em Março deste ano, na localidade da Pamba dos Pneus, município do Lucala, onde funcionará igualmente a sede da cooperativa.

A loja vai prestar apoios directos aos camponeses associados ao projecto, mediante a aquisição de um cartão digital no valor de 40 mil kwanzas/ano.

A nova estrutura vai dispor também de uma equipa de engenheiros agrónomos que vai prestar assistência técnica gratuita periódica aos sócios beneficiários e um parque de máquinas para a lavoura dos campos.

Os associados, segundo afirmou, vão ainda beneficiar de descontos nos preços dos imputes vendidos na loja.

 Henriques Simões precisou que a cooperativa conta com o financiamento de 20 empresários do ramo, de experiências comprovadas e capacidades técnico-financeira, no sector agropecuário em Angola, entre os quais a Tecnagri, Brazafrica, Angopri, Coplaca e  Sonapi.

O projecto vai beneficiar camponeses e agricultores das províncias do Cuanza Norte, Malanje e Uíge.

Visa colocar os imputes agrícolas mais próximo dos beneficiários e torná-los mais baratos e competitivos, assim como facilitar o escoamento de produtos nos campos, através da compra dos mesmos, incentivando assim o aumento da produção local.

Dados do Gabinete provincial da Agricultura e Floresta apontam a existência de perto de 54 mil famílias camponesas envolvidas na actividade agrícola na campanha 2018/2019, no Cuanza Norte, onde foram lavrados mais de 110 mil hectares de terras, prevendo-se alcançar uma safra de 894 mil, 817 toneladas de produtos diversos.

A província do Cuanza Norte conta com 54 associações de camponeses e 24 cooperativas agrícolas que na época agrícola transacta produziram 488 mil, 681 toneladas de produtos diversos.