Angop - Agência de Notícias Angola Press

Futebol: Vice-presidente encoraja jogadores da selecção nacional

10 Outubro de 2018 | 19h16 - Desporto

Luanda - O Vice-presidente da República, Bornito de Sousa, encorajou na tarde hoje (terça-feira) a selecção nacional de futebol, que se prepara para defrontar, sexta-feira às 16 horas, no estádio 11 de Novembro, a sua similar da Mauritânia em partida qualificativa para o CAN 2019, nos Camarões.

  • Vice-presidente da República, Bornito de Sousa, encoraja selecção nacional de futebol

Numa breve conversa com os atletas e equipa no balneário do estádio 11 de Novembro, momentos antes do penúltimo treino, Bornito de Sousa disse ter se deslocado ao campo no sentido de "dar uma grande força ao combinado nacional para que saia vitorioso e possa alcançar a Mauritânia na liderança do grupo".

Por outro lado, o Vice-presidente aproveitou a ocasião para felicitar o 1º de Agosto pela campanha que está a fazer na Liga dos Clubes Campeões Africanos, onde está a noventa minutos da qualificação à inédita final.

“Uma parte da equipa nacional integra jogadores do 1º de Agosto, que tem também uma tarefa importantíssima nos próximos dias, e viemos dar uma força a todo clube no sentido de que possamos alcançar um resultado favorável, porque falta pouco e estamos a dois passos, dai que devemos todos dar uma força", argumentou.

Depois da saudação ao combinado nacional, o Vice-presidente da República assistiu, durante quinze minutos, a sessão de treinos em que o seleccionador nacional, Serdan Vasilevic, dividiu o grupo em dois com os possíveis titulares a treinarem com coletes cor de rosa.

Além de Bornito de Sousa, estiveram com os Palancas Negras, Guilhermina Fundanga, Secretária de Estado para a Juventude, o governado de Luanda, Adriano Mendes de Carvalho, e o presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), Artur de Almeida.

Os Palancas Negras voltam a treinar quinta-feira, às 15h30, no estádio França Ndalu, sendo que no final da sessão será projectado o duelo com o adversário que lidera o grupo com seis pontos.

Angola ocupa o terceiro lugar com três pontos, os mesmos que o segundo (Burkina Faso), enquanto a Mauritânia é o líder do grupo – I, com seis pontos.